whatsapp
X
 
Como higienizar o carro contra o coronavírus

Como higienizar o carro contra o coronavírus

Apesar dos muitos outros cuidados envolvendo a Covid-19, é importante que os motoristas saibam como higienizar o carro contra o coronavírus. Afinal, os automóveis são alguns dos principais vetores de transmissão do vírus.

Isso acontece porque essa variação específica do coronavírus tem a capacidade de sobreviver fora do corpo e em superfícies como o metal ou o plástico por um tempo razoável. Assim, um automóvel estacionado na rua ou um veículo de quem trabalha com o Uber pode ser a origem de contaminação de muitas pessoas.

Por isso, é essencial saber como higienizar o carro contra o coronavírus. Por sorte, não há grande mistério e dá para realizar a limpeza sem dificuldade. Confira como a seguir.

Como higienizar o carro contra o coronavírus

O principal segredo para combater o coronavírus em automóveis é fazer a limpeza frequente dos principais pontos do automóvel e não necessariamente utilizar algum produto específico. O bom e velho álcool em gel, a água e o sabão são mais do que suficientes para lidar com o vírus.

Eles são potentes, tendo em vista que o coronavírus tem uma pequena camada protetora de gordura ao seu redor, como se fosse uma coroa (daí o nome coronavírus). O sabão é eficaz contra o vírus porque dissolve essa camada e mata o micro-organismo diretamente.

Por isso, para saber como higienizar o carro contra o coronavírus, você precisará dos seguintes materiais:

  • água e sabão;
  • álcool em gel 70º;
  • detergente neutro;
  • multiuso de limpeza.

Não é necessário usar TODOS os produtos, uma vez que a água e o sabão já são  suficientes. No entanto, caso você não tenha à mão na hora (o que é muito comum com motoristas de aplicativo), dá para utilizar os outros produtos sem problemas.

Além desses produtos, que são facilmente encontrados nos supermercados, mesmo com o pânico atual dos compradores, será necessário apenas um pano limpo e macio ou uma esponja adequada para fazer a higienização do automóvel.

Que partes do carro devemos limpar mais?

É importante ter em mente que existem certas partes do carro que devem ser limpas constantemente, especialmente caso a pessoa seja um motorista de aplicativo.

Para as pessoas “normais”, que usam o carro só para si, o ponto mais importante a se levar em conta é a lataria do automóvel, já que é possível que o coronavírus possa estar ali porque alguém passou perto e tossiu ou acabou tocando sem querer no veículo.

Por isso, para economizar água, pode ser uma boa ideia usar um pano e o multiuso para limpar de leve a lataria do veículo quando chegar em casa. 

Não é preciso fazer a limpeza todos os dias, mas sempre que sair na rua, especialmente em cidades com grandes números de casos confirmados de Covid-19.

A maior concentração de contaminação, no entanto, está no interior do automóvel. São muitas as partes que podem ser pontos ricos para o vírus, ou seja:

  • volante (segundo estudos, o volante pode acumular mais bactérias e micro-organismos do que o assento de um vaso sanitário);
  • marcha do câmbio;
  • maçanetas;
  • painel;
  • botões do vidro da janela;
  • cinto de segurança.

Caso você leve alguém no seu automóvel ou seja um motorista de aplicativo, o recomendado é usar o álcool em gel ou a água com sabão e limpar essas partes SEMPRE que alguém sair do seu carro. Essa é a única maneira de evitar a contaminação, pois o coronavírus pode ficar horas nessas superfícies e continuar vivo.

Se você não for sair de carro durante o período de isolamento social ou caso venha a se confirmar alguma quarentena na sua cidade, então não precisa se preocupar tanto com  higienização. Como o veículo ficará parado, é só garantir que você o limpará adequadamente e depois deixá-lo na garagem.

Não esqueça, no entanto, de lavar os pneus do carro da maneira certa também.

Outros cuidados de limpeza durante o coronavírus

Um dos grandes problemas da pandemia da Covid-19 (nome da doença causada pelo coronavírus) é que o vírus é altamente contagioso. Na prática, uma pessoa pode contaminar qualquer indivíduo ou objeto que estejam até 4 metros de distância.

Além disso, a contaminação acontece pelo ar ou quando o vírus fica em superfícies e entra em contato com as pessoas.

Por essa razão, é essencial manter excelentes hábitos de higiene e limpeza durante esse período da pandemia para diminuir ao máximo a disseminação do vírus. Assim, é possível “achatar a curva” de infecções e garantir que todos os contaminados terão acesso a tratamento médico.

Por isso, é essencial que todos que puderem, evitem o máximo possível de aglomerações e tentem não sair de casa.

Esse comportamento ajuda a diminuir os vetores de contaminação da doença. Claro que nem sempre é possível, afinal é preciso trabalhar e cumprir outras obrigações, mas nas horas em que puder, o aconselhável é tentar ficar em casa.

Além disso, lave as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos (conte 2 segundos para cada dedo e mais um pouco para o resto da mão) e use álcool em gel.

Fora isso, o ideal é tentar manter distância das pessoas (lembre-se de que 4 metros é o suficiente para a contaminação) e limpe as superfícies da sua casa com álcool em gel e multiuso.

Com os devidos cuidados, todos poderemos derrotar o coronavírus e evitar que essa pandemia vitime ainda mais pessoas.

E aí, aprendeu como higienizar o carro contra o coronavírus? Então compartilhe este artigo nas suas redes sociais e marque amigos para que eles também aprendam como limpar o automóvel do jeito certo!

Desenvolvido por Inside Digital
WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Estreito

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Centro

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade São José

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Palhoça

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Madre Benvenuta

×