whatsapp
X
 
Estepe: tudo que você precisa saber sobre esse substituto
  • 4455
  • 0

Estepe: tudo que você precisa saber sobre esse substituto

Você está andando pela estrada e ouve um barulho estranho. De repente, nota que um dos pneus do seu carro furou. Em vez de ficar desesperado, você já sabe o que fazer: basta estacionar e substituir o pneu furado pelo estepe.

No entanto, você conhece bem esse pneu substituto que pode salvar vidas em casos de emergência? Se não, é importante saber mais sobre o assunto. Afinal, existem muitos mitos e mal-entendidos circundando o estepe.

Para saber mais sobre ele, siga a leitura do artigo até o fim.

Afinal de contas, o que é o estepe?

O estepe é um pneu substituto que serve como uma medida de segurança para motoristas no mundo inteiro. Ele é necessário, já que os pneus são vitais para o funcionamento do carro, mas também são relativamente frágeis.

Para poder rodar bem e com conforto, o pneu precisa ser de borracha, que absorva bem o peso do automóvel, além do atrito com o chão duro e a aspereza do asfalto. Dentro do pneu, existe ar pressurizado para ajudar a dar sustentação.

No entanto, essa mesma característica mais macia e suave também é um problema, pois faz com que o pneu seja furado mais facilmente. Se tiver um rasgo, o ar pressurizado foge e o pneu fica inutilizado.

Como um furo pode acontecer a qualquer momento (nunca sabemos quando passaremos por cima de uma pedra pequena, não é mesmo?), é essencial ter um estepe no carro, para poder substituir o pneu furado e não ter que ficar parado na estrada, longe de qualquer apoio.

Ter estepe no carro é obrigatório?

A regra na lei é que todos os carros, por motivos de segurança,  devem ter um estepe. A determinação visa alcançar tanto os motoristas como também as montadoras de carros e empresas que alugam automóveis.

No caso das empresas (as montadoras e locadoras) a ideia é garantir que elas possam atender bem seus clientes, diminuindo os riscos de acidentes e problemas. Já no caso dos motoristas, a lei atua para fazer com que eles cumpram a sua parte em manter a segurança no trânsito.

A única exceção de um carro não precisar andar com um estepe é quando ele é equipado com um jogo de pneus run flat. Trata-se de um tipo específico de pneus capaz de rodar, mesmo quando estiver sem ar.

A tecnologia funciona, de maneira simplificada, ao criar uma estrutura com camadas de borracha para que o pneu continue funcionando, mesmo sem ar. Claro que isso dura para um percurso limitado: em média, um run flat consegue continuar funcionando por mais ou menos 80 quilômetros, se conduzido a 80 quilômetros por hora.

Portanto o run flat oferece uma alternativa de segurança, caso haja um furo no pneu em algum momento. Por causa disso, a lei permite que o carro ande sem um estepe nessas situações.

No entanto, vale lembrar que o pneu run flat não é compatível com alguns modelos de carros, além de ser um pouco mais caro do que o normal. Por isso, para muita gente, ter o estepe ainda é o melhor cenário.

Posso rodar com o estepe?

Um dos maiores mitos sobre o estepe é que ele seja um pneu comum e, portanto, a pessoa pode rodar com ele normalmente. Na verdade, não é bem assim! Tudo depende de cada caso.

Geralmente, o padrão dos estepes que vêm junto com os carros novos é de um pneu mais fino. A ideia é que as empresas possam economizar tanto em espaço quanto em peso e em custo também.

Dessa forma, o estepe fornecido pelas montadoras é um pneu bem fino e que não aguenta as mesmas situações que um pneu normal. A maioria deles roda de maneira satisfatória apenas até 80 quilômetros por hora, não aguentando ir muito além disso.

Portanto, não dá para dizer que é possível rodar com um estepe no dia a dia. O item é, realmente, apenas uma ajuda momentânea em uma emergência.

Claro que, se você comprou um pneu normal para usar como estepe, então as coisas mudam de figura. Nesse caso, você poderia rodar normalmente com ele, afinal, ele é um pneu como outro qualquer. No entanto, não é o caso dos itens de fábrica.

Como comprar um substituto?

Como o estepe é um item para emergências, a ideia é que você o use poucas vezes. Por exemplo, você está na rua e furou o pneu. Em seguida, faz a troca do pneu pelo estepe e vai até uma oficina mecânica para comprar pneus novos. No exemplo, andou 800 metros ou um pouco mais com o estepe.

Dessa forma, ele pode durar muito tempo com você. No entanto, eventualmente ele ficará desgastado ou poderá até mesmo furar. Nessas horas, é bom comprar um substituto.

É possível comprar um estepe diretamente nas lojas de pneus. Se quiser, pode comprar um pneu normal para usar como estepe, especialmente em um sistema de rodízio, o que aumentará a vida útil dos itens.

Agora que você já sabe tudo sobre o estepe, está mais preparado para o caso de alguma emergência ou um problema envolvendo um pneu furado no meio da estrada ou da rua. Viu como as coisas são bem mais simples do que imaginávamos?

Se você gostou do conteúdo, não esqueça de curtir a nossa página no Facebook e seguir nosso Instagram para acompanhar mais textos de qualidade!

Desenvolvido por Inside Digital
WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Estreito

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Centro

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade São José

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Palhoça

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Madre Benvenuta

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Campeche

×
ATENDIMENTO
(48) 3240 4900
WHATSAPP
(48) 9183 9434
E-MAIL
clique aqui
ORÇAMENTO RÁPIDO