whatsapp
X
 
É prejudicial usar pneus de marcas diferentes?

É prejudicial usar pneus de marcas diferentes?

Às vezes, pode ser necessário usar pneus de marcas diferentes no seu automóvel. Você tem um carro com um jogo de pneus Pirelli, por exemplo, mas acaba colocando uma peça da Bridgestone.

Essas situações acontecem especialmente em momentos bem pontuais. Você está andando na estrada e um pneu furou, por exemplo. Então coloca o estepe e na cidade mais próxima acaba comprando um pneu de outra marca, pois está mais barato naquele momento.

Mas será que tem algum problema usar pneus de marcas diferentes? Isso traz alguma consequência negativa para o seu carro ou é um mito? É o que veremos a seguir. Por isso, siga a leitura do artigo.

Usar pneus de marcas diferentes traz problemas ao carro?

Você já parou para pensar se, de fato, faz sentido imaginar que pneus de marcas diferentes traz problemas para um carro? Afinal, pneu é pneu, não é mesmo? É “tudo igual”, correto?

Na verdade, não. De fato, usar pneus de marcas diferentes pode trazer muitos problemas para o seu carro e até colocar em risco a sua segurança e da sua família, além da segurança de outras pessoas ao redor.

O fato é que cada modelo de pneu é feito em um molde específico. Por exemplo, o pneu Primacy 3, da Michelin, é feito em um molde diferente do Energy XM2, da mesma fabricante.

Isso significa que cada pneu tem uma banda de rodagem diferente, o que significa uma aderência diferente ao solo. Na prática, isso cria uma instabilidade no controle do veículo na estrada.

Imagine a seguinte situação: dois pneus completamente lisos. Então coloque algumas pedrinhas em posições diferentes em cada um deles. Eles não tocarão o solo da mesma forma, e isso criará uma instabilidade neles.

Por isso, sim, usar pneus de marcas diferentes traz problemas, pois leva a uma perda significativa de estabilidade no comando do veículo. E não é só pneus de marcas diferentes, são pneus de modelos diferentes também, mesmo que sejam da mesma fabricante.

Dito isso, é fato que é possível misturar pneus no seu carro e obter uma boa estabilidade, embora seja algo que deva ser feito com cuidado. Confira a seguir.

É possível misturar pneus sem causar problema no carro?

Para entender como é possível usar pneus diferentes em um carro, precisamos entender como um automóvel funciona. Um veículo é composto por uma estrutura de ferro (que leva o motor, as peças e os ocupantes) sobre dois eixos.

Cada eixo tem dois pneus, um em cada extremidade. Esses pneus dialogam entre si e não devem, em nenhuma hipótese, ser diferentes, ou seja: os dois pneus do eixo da frente devem ser iguais. O mesmo acontece com os dois pneus do eixo de trás.

No entanto, é possível obter maior estabilidade ao misturar os pneus do eixo da frente e de trás, mas em carros cuja tração seja enviada para o eixo dianteiro (que é a vasta maioria dos automóveis do mercado hoje em dia).

A técnica é bem simples: o ideal é usar pneus normais no eixo dianteiro (mas, lembrando, do mesmo modelo) e utilizar pneus com maior taxa de aderência no eixo traseiro, que não recebe a tração.

Por causa da aerodinâmica da condução, o eixo traseiro costuma impactar mais na estabilidade do veículo. Se as rodas lá tiverem mais aderência, o automóvel como um todo ficará mais estável.

No entanto, é obrigatório que os pneus de modelos diferentes sejam das mesmas medidas e velocidades. Além disso, vale repetir, é preciso que os pneus de cada eixo sejam iguais (um modelo só na frente e outro atrás).

Como escolher o pneu perfeito para o meu veículo?

Quando você precisar comprar pneus para o seu carro, lembre-se de buscar sempre o modelo perfeito para o seu automóvel.

Idealmente, procure no Manual do Proprietário pela informação sobre qual o modelo original do automóvel, pois ele costuma ser uma excelente opção.

Se for mudar de modelo de pneus, opte por comprar um jogo inteiro + estepe do mesmo modelo para manter a estabilidade do veículo. No entanto, sempre escolha peças que sejam da mesma medida e velocidade que estão listadas no Manual do Proprietário do seu carro.

Caso realmente precise comprar modelos diferentes de pneus, compre no mínimo duas peças para colocar no mesmo eixo, mantendo a opção com maior aderência na traseira do carro.

Sempre evite usar pneus de marcas diferentes ou modelos diferentes no mesmo eixo, pois a instabilidade no controle do carro será muito grande, o que aumenta bastante o risco de acidentes, especialmente em terrenos escorregadios.

Seguindo essas dicas, você não terá problemas para comprar as peças ideais para o seu carro, mesmo que precise usar pneus de marcas diferentes no automóvel por algum tempo, no período de férias ou algo do tipo.

E aí, o que achou das dicas? Gostou de aprender sobre como escolher os melhores pneus para seu carro? Então curta nossa página no Facebook e siga nosso Instagram para acompanhar as melhores promoções!

Desenvolvido por Inside Digital
WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Florianópolis

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade BR-101 São José

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Palhoça

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Madre Benvenuta

WhatsApp chat

Entre em contato com a Unidade Centro

×